Morador tapa buracos com piçarra para melhorar tráfego na BR-226, entre Campo Grande e Triunfo Potiguar

Morador tapa buracos com piçarra para melhorar tráfego na BR-226, entre Campo Grande e Triunfo Potiguar

Cansado de esperar pelo poder público, um morador tomou a iniciativa de tapar, com piçarra, os buracos da BR-226, entre as cidades de Campo Grande e Triunfo Potiguar, no Médio Oeste potiguar. O objetivo: melhorar o tráfego para quem precisa transitar pela rodovia diariamente.

Com um carro-de-mão e uma pá, o morador carrega a piçarra das margens da rodovia para os buracos maiores. A cena foi presenciada pelo agricultor e secretário de Agricultura e Pesca de Paraú, Francisco Feliciano da Silva, mais conhecido como Neném do gás.

“É uma vergonha para os nossos gestores, uma estrada chega de buracos, um popular de boa vontade vindo fazer o serviço que nossos governantes não fazem, isso é uma vergonha para o nosso país”, afirmou o secretário que mora em Campo Grande e usa a rodovia todos os dias.

No dia 6 de julho, o juiz federal Arnaldo Pereira de Andrade Segundo, titular da 11º Vara Federal do Rio Grande do Norte, determinou que o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) recupere o trecho da BR-226, que liga Campo Grande a Triunfo Potiguar. O magistrado definiu o prazo de 15 dias para início do processo administrativo e 30 dias para as obras começarem, após a finalização do processo mencionado, sob pena de multa diária de R$ 10 mil.

São muitas as denúncias que chegam à redação a respeito das condições das rodovias estaduais e federais que cortam o Rio Grande do Norte. Na semana passada, motoristas denunciaram a situação da RN-012, entre Grossos e Tibau, cheia de buracos e animais soltos na pista, ambos podendo ocasionar acidentes. Buracos também é o problema enfrentando por quem trafega pela RN-118, que liga Caicó a Jucurutu, no Seridó.

Na manhã desta terça-feira, 17, o MOSSORÓ HOJE esteve na BR-304, no trecho da Barragem de Genésio, que se encontra danificado. Uma cratera está comprometendo o trânsito. O DNIT informou que a recuperação do local será feita em breve.

VIA MOSSORÓ HOJE

Leia também

comentários